ACESSE

ENTRE EM CONTATO COM O BOI NA PISTA

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Governo de Pernambuco decreta luto oficial pela morte do músico e compositor Dominguinhos

8906
O cantor e compositor Dominguinhos, de 72 anos, morreu às 18h desta terça-feira (23) no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O sanfoneiro lutava contra um câncer no pulmão e fazia sessões de quimioterapia havia seis anos. Segundo o boletim divulgado pelo hospital, a causa da morte foram "complicações infecciosas e cardíacas".O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, decretou luto de três dias no Estado em virtude da morte do artista. O músico pernambucano, autor de sucessos como "Isso Aqui Tá Bom Demais" e "De Volta Pro Aconchego", havia deixado a UTI após melhora da infecção respiratória e arritmia cardíaca no dia 13 e retornado à unidade no dia 15. Dominguinhos estava internado desde o dia 17 de dezembro. No dia 22 daquele mês, precisou passar por uma cirurgia para a colocação de um marca-passo cardíaco temporário por conta da arritmia. Nesse período, o cantor foi submetido a uma traqueostomia e hemodiálise. Dominguinhos ficou sem sedação e, mesmo assim, não se comunicava com a família e médicos.
No dia 8 de janeiro, ele sofreu uma parada cardíaca no hospital em que estava internado em Recife (PE). A pedidos dos familiares, no dia 13 de janeiro, Dominguinhos foi transferido para o Hospital Sírio-Libanês em São Paulo. Os cantores Fagner, Elba Ramalho, Flávio José, Nando Cordel, Geraldo Azevedo, Jorge de Altinho e Liv Moraes farão um show em homenagem a Dominguinhos no dia 25 de julho, em Recife (PE).

Nenhum comentário:

Postar um comentário